Como fazer seu namorado não enjoar de você.

enjoo

Dos vários termos de buscas que recebo no Blog, o tema do texto de hoje é o mais recorrente.

Então, vamos falar sobre como eu acho que você poderia agir para não enjoar o seu namorado (noivo).

Primeiramente, a pergunta que eu queria que você se fizesse é a seguinte: “Eu gostaria de conviver com uma pessoa que tivesse o mesmo comportamento, as mesmas emoções e atitudes que eu tenho? ”. Se a resposta for ‘Sim’ que bom, você sabe o quê procurar em uma pessoa para compartilhar a sua vida. Agora, se a resposta tiver sido diferente disso, então acho que você precisa ver o que não está lhe agradando e mudar.

Um bom conto para ilustrar a mensagem que quero passar é o seguinte:

“Imagine um jovem casal, onde a mulher se sente insegura porque namoram há pouco tempo e morre de medo de ser abandonada. Ela então quer a atenção exclusiva e dedicada do namorado 24h por dia. As ligações devem ser respondidas imediatamente. A última visualização dele no whatsapp é monitorada a cada meia hora por ela. As redes sociais também, uma curtida a cada postagem para ele saber que ela está atenta. Sair, só com ela. Se quiser sair com os amigos, tudo bem, desde que ela vá junto. Aos domingos o almoço é só na casa da família dela. O namorado se quer tem liberdade para pensar por si porque ela decide tudo que eles farão (onde, como, quando, com quem).

Chega um momento que cansa. Enche a paciência. E ele simplesmente para de se anular para agradá-la e começa a honrar suas próprias vontades, seus pensamentos, suas escolhas e ela começa a pirar achando que ele está com uma amante, que não gosta mais dela e todas as neuroses possíveis.

E não é absolutamente nada disso que está acontecendo. Ele simplesmente voltou a respirar por si próprio sem a ajuda de aparelhos fictícios – no caso o controle doentio da namorada – e teve alta do coma em que vivia dentro daquela relação. Há amor, sentimento, desejo de um futuro a dois, ele não tem amante nenhuma, não está interessado em outra pessoa, só está se reencontrando consigo mesmo”.

Então meninas, tentem olhar para esse conto que descrevi e vejam se vocês não estão mantendo os seus amados em um coma amoroso. Deixe que eles voltem à vida.

Confiança não é um sentimento que dá para dividir, ou se tem ou não tem, simples assim. Quem ama confia. E se você o ama, sabe o que fazer.

Luz na caminhada!

5 comentários

  1. Heldon

    O amor verdadeiro, enseja liberdade. Quando mais disfarçado o controle, pior ele é… e por isso a pessoa amada se sente tolhida em muitas coisas por aquele que ele ama, e então, passa a perder o interesse que o fez estar com a pessoa.

    Gostei.
    Abc.
    Heldon.

  2. Muito bem colocado. Amar também é confiar. Mas não confundir com ser bobo! A desconfiança gera um clima ruim que leva com o tempo ao fim da relação.

    O diálogo também é muito importante.

  3. jane

    Adorei! Somos um pouco assim mesmo e só deixamos de ser quando adquirimos a maturidade do sentimento que nutrimos primeiro por nós e depois pelo parceiro.Isso me fez refletir o quanto de fortes somos de alma e delicadas no coração.

  4. Michele

    Nossa fabuloso arrasou, parabéns em você foi espetácula gostei muito, me endentifiquei em certas coisas e obrigado pelas dicas😉

E então, gostou? Me diga aqui no comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *