Falando de saúde, bem-estar e beleza – Tentações, recaídas e como não desanimar.

Por Aline Gomes, nutricionista.

Em muitas épocas do ano nos deparamos com tentações: Natal, Páscoa, Carnaval, geralmente, os períodos de feriados prolongados são um tormento para quem deseja manter uma alimentação saudável. Muitas vezes, estas ocasiões servem para reunir os familiares, amigos, matar a saudade daqueles que não se veem há algum tempo, viajar, passear ou simplesmente ficar em casa de pernas para o ar. E, nestes momentos, aquelas preparações culinárias são colocadas em prática: salgados, tortas, pastel, bolos, doces, churrasco, maionese, sorvete, entre outros.

E com isso a alimentação saudável é colocada de lado. Mas é possível que durante esse período a mesma continue presente no dia-a-dia.

A maioria desses alimentos apresentam altas calorias, ricos em açúcares e sódio. Os alimentos dessas épocas do ano, por serem muito gordurosos, dificultam o processo de digestão, facilitando assim a sensação de mal estar, de “estômago cheio”. Aí já viu a cena: come demais, dá aquela preguiça e a tarde é todinha no sofá assistindo a um bom filme e tirando aquela soneca.

Além das comidas tem o consumo de bebidas alcoólicas que na maioria das vezes não é nada moderado. Em sua composição, o álcool apresenta sete kcal por grama. O que quer dizer: muito calórico!!! E ele ainda contribui para o aumento da gordura visceral, ou seja, a abdominal.

Mas, o importante é saber controlar o sentimento de culpa no dia seguinte. Volte a rotina normal de alimentação saudável para que haja a perda daqueles quilinhos extras adquiridos durante esse período.  Não tente fazer dietas milagrosas, pois cada indivíduo possui uma necessidade energética diferente. Tenha a reeducação alimentar como prioridade.

8 dicas valiosas para lidar com esses momentos de tentação:

  1. Evitar o consumo de refrigerantes;
  2. Consumir bebidas alcoólicas de forma moderada;
  3. Consumir frutas, principalmente as da época;
  4. Ingerir bastante água, sucos naturais e chás;
  5. Não pular as refeições;
  6. Comer a cada 3h;
  7. Evitar alimentos gordurosos;
  8. Não deixar de consumir por completo verduras e legumes.

Por hoje é só. Espero que você pratique. E se já estiver com dúvidas sobre como enfrentar a Páscoa, que está chegando, escreva para mim.

Um comentário

  1. Luiz Shigunov

    Nessas épocas é realmente difícil manter uma alimentação equilibrada e balanceada.

    Como eu tenho uma alimentação saudável, nessas épocas aproveito para sair da rotina e comer umas besteiras 🙂

    Parabéns pelo texto!

E então, gostou? Me diga aqui no comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *