2018

Começou o ano novo ou será só um número diferente no final?
Estamos no sexto dia do ano de 2018, o que você planejou e já está colocando em ação para agir diferente dos anos anteriores?
Nada?
Bom, então sinto lhe dizer mais esse não é um ano novo para você. Ele apenas tem um 8 no lugar do 7. Nada na sua vida deve mudar (nem para melhor e nem pior), ficando tudo igual, na mesma, até chegar o 31/12/2018 e você prometer novamente fazer tudo diferente no ano seguinte.
Não gostou de saber disso? Me desculpe, mas preciso ser sincera com você.
Se saí ano e entra ano e os seus desejos não mudam, as coisas que não lhe satisfaz permanecem, e assim você vai seguindo a vida, então, quer dizer que você se acostumou a viver uma vida simplória e nada do que diz querer você deseja de verdade. São apenas sonhos rasos.
Para mudar isso você precisa querer de verdade! Querer com a cada célula do seu corpo, com cada suor derramado, com cada energia que emana ao mundo. E, o mais importante de tudo, você precisa agir diferente, fazer o que até hoje não fez, descobrir qual será esse novo caminho porque senão for assim, não tem jeito.
Pense em pelo menos três coisas que mais desejou nos últimos anos e não conquistou. Agora, pense o quê impediu você? Você ainda deseja isso? Então, como pode alcançar? Por onde vai começar? Quando terá começado?
Eu sei, não são respostas fáceis e nem imediatas, mas, tire um tempo para você neste fim de semana e reflita sobre elas. Escreva as suas respostas no papel.
Comece a próxima semana com um ano, verdadeiramente, novo em sua vida.
Não desperdice os próximos 359 dias que ainda lhe restam.
Luz, foco e coragem na sua caminhada.

2 comentários

  1. Luiz Shigunov

    É verdade. Se fizer do mesmo jeito, vai ter os mesmos resultados! E se não agir, serão apenas sonhos.

    Eu estou gostando de colocar no papel as metas e traçar o caminho para alcança-las. Fica bem claro o que precisa ser feito.

    E com a ajuda de quem entende muito bem como fazer esse roadmap a coisa flui com naturalidade 🙂

  2. Dinah Dantas

    Penso que temos que parar de cobrar de nós é dos outros. E relaxar, meditar, olhar para dentro e encontrar a felicidade que esta em nós. Na verdade, cobranças impedem boas mudanças.

E então, gostou? Me diga aqui no comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *