Viagens que recomendo

Recife – terra da alegria, gente simpática e um pedacinho do paraíso.

capaRecife

Sabe aqueles lugares que você vai à primeira vez e se apaixona de tal forma que quer voltar todos os anos? Pois bem, Recife é desse jeito.

Minha primeira visita foi em 2006 e desde então retornei outras vezes porque fiquei apaixonada pela cordialidade, simpatia, gentileza, educação e alto astral das pessoas.

O custo de uma viagem para lá se hospedando em um bom hotel, conhecendo os pontos turísticos principais, comendo bem é totalmente acessível a nossa realidade. (Lembrando que viajo sempre por conta própria, nada de agência de viagens.)

Muitas pessoas ao ouvirem falar em Recife apresentam um discurso sobre a violência, de fato não vou dizer que lá é um local desprovido de violência, mas, por favor, me diga uma capital brasileira que seja 100% segura? Não existe. O que posso dizer é que em todas as vezes em que estive em Recife e seus arredores nunca passei por nenhum problema (ao contrário do que já vivenciei aqui no Rio de Janeiro).

Então, minha dica é que você vá conhecer essa maravilha de capital e, principalmente, seus arredores encantadores e apaixonantes.

Algumas dicas para você aproveitar bem o passeio:

– Onde se hospedar:

Em Recife, sugiro o Holiday LG Inn, localizado duas quadras da praia de Boa Viagem o hotel é uma delícia. Pessoas simpáticas, café da manhã cheio de variedade e bem próximo a shoppings, restaurantes, farmácias, bancos, mercados e ponto de ônibus.

Em Porto de Galinhas, sugiro o Village Porto de Galinhas, possui um ótimo espaço de lazer, café da manhã com gostinho de quero mais, atendimento excelente e localiza-se a menos de 5 minutos do Centro de Porto. Ele tem vários táxis que ficam sempre à espera dos hóspedes para levar até o centro é bem tranquilo (e não saí caro).

Em Tamandaré, minha sugestão é a Pousada Baía dos Corais, um local totalmente afastado do agito, de frente para o mar, com ótimos serviços e atendimento, café da manhã típico e um preço justo.

– O que visitar:

Tem muitos pontos turísticos maravilhosos em Recife e arredores. Vale a pena passar, no mínimo, uma semana completa para conhecer os pontos principais. Vou listando a partir da capital e seguiremos rumo a outros municípios mais distantes.

Praia de Boa Viagem:

boaViagem

Principal praia da capital, com uma orla ampla, uma água morninha e não precisa ter medo dos tubarões, basta respeitar as sinalizações e não ultrapassar os arrecifes, o melhor horário para ir à praia era bem cedinho, pois, a maré ainda estava baixa (mas isso depende da época do ano, por isso, recomendo que pesquise antes de ir).

 

Recife Antigo:

recifeAntigo

Eu e meu marido gostamos de andar, então fomos várias vezes a pé de Boa Viagem até lá, mas é uma longa caminhada, portanto se você não gosta de andar no sol, recomendo ir de ônibus.

Lá é lindo demais e tem muito local para conhecer: o marco zero, os bonecos de Olinda, os pequenos museus, as lojinhas, a torre de Malakoff, o parque das estátuas (tem que atravessar de barquinho) vale a pena ir com roupas bem confortáveis e frescas porque irá andar um bocado.

Olinda:

olinda

O nome diz com exatidão tudo que você verá lá do Alto da Sé, uma vista Linda de tirar o fôlego!

Fomos de ônibus de Recife até Olinda na primeira visita, já nas outras fomos de receptivo (que falarei em seguida).

Lá você não pode deixar de subir as ladeiras, ir até a Catedral do Alto da Sé, reparar nas casas com eira, beira e tribeira (vou lhe deixar na curiosidade a ser revelada pelos guias locais), visitar o Convento de São Francisco (e os azulejos portugueses belíssimos), as lojas com artesanato local e não esqueçam de dar uma paradinha lá no alto saboreando um delicioso picolé de fruta regional e se maravilhando com a vista perfeita daquele mar azul.

 Casa da Cultura:

casaCultura

Uma antiga cadeia transformada em um centro comercial com a venda de diversas peças de artesanato local. Uma pedida imperdível se você adora fazer umas comprinhas.

Praça da República:

pracaRepublica

Com uma das árvores mais antigas que já conheci, a praça tem belas esculturas de deusas e é um local bem agradável para descansar após caminhar pela Casa de Cultura.

Porto de Galinhas:

portoGalinhas

Vale a pena mergulhar nas piscinas naturais junto com os peixinhos. Além de passear pelo centrinho comercial que tem os melhores preços da região para trazer lembranças para toda a família. Ótimas opções de restaurantes, lanches e uma tapioca de comer rezando (bem na rua principal do centrinho).

Oficina Brennand:

oficina

Famoso ceramista expõe suas obras nesta oficina. A localização é bem distante da capital e o acesso não é fácil e nem sinalizado adequadamente. Mas, a beleza de sua obra recompensa o esforço e a demora para chegar.

Carneiros:

carneiros

Uma das praias mais belas que já vi na minha vida. Águas mornas, tranquilas e rasas ideal para curtir com toda a família. Os bangalôs são as melhores pedidas para se acomodar durante o dia, já para dormir acho o custo muito elevado. Mas, tem algumas casas para alugar por temporada e pousadas mais simples, vale a pena pesquisar.

 Tamandaré:

tamandare

Local de paz e sossego. Longe do tumulto da grande metrópole pernambucana, longe dos olhos dos turistas, longe do som alto, longe do trânsito, dos grandes comércios, enfim, um local para apreciar o silêncio e a calmaria de uma cidade pequena. Simplesmente perfeito!

Ilha de Tamaracá:

tamaraca

Localizada a 40km da capital ela tem belíssimas praias, águas tranquilas, e ainda tem o centro de preservação do peixe-boi que pode ser visitado. Vale muito a pena. Leva um dia de viagem.

Caruaru:

caruaru

Localizado no oeste da capital a 130Km esse município é famoso pela Feira de Caruaru, um grande espaço aberto com peças artesanais, comidas típicas e museus a serem visitados. Particularmente, achei que a distância não compensou ir e vir no mesmo dia.

Brejo da Madre de Deus:

brejo

Fica após Caruaru, em média umas quatro horas de Recife, lá é encenado todos os anos a peça Paixão de Cristo na semana santa.

Um local bonito, que por ser muito distante e não ter muitas opções de serviço ao redor, você pode se hospedar nessa própria pousada.

Agora, o que mais me chamou atenção nestes dois últimos locais foi ver de perto a triste realidade dos cortadores de cana, o chão rachado da seca, as crianças pedindo comida na estrada. Um cenário de muita dor e pobreza.

Fechando as dicas de lugares para conhecer em Recife e nas redondezas deixo uma sugestão do receptivo, que sempre uso Luck Viagens. Eles são pontuais, simpáticos, profissionais conhecedores da história de sua região e contribuem para deixar nossas viagens bem mais culturais, divertidas e inesquecíveis.

 

– Fontes de Referência para ajudar na composição de sua viagem:

http://www.lginn.com.br/

http://www.villageportodegalinhas.com.br/

http://www.baiadoscorais.com.br/

http://www.brennand.com.br/

http://www.brejomdeus.pe.gov.br/

http://www.luckreceptivo.com.br/Luck/

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *