Falando de saúde, bem-estar e beleza – As mãos, o nosso cartão de visitas.

terapia1

Por Janyr Gomes, esteticista.

As mãos e as unhas são como um cartão de visitas de uma pessoa: estão sempre  à  vista e, ao menor toque, em um simples cumprimento, por exemplo, revelam se estão ásperas ou ressecadas, indicando bons hábitos e até mesmo os cuidados de uma pessoa para consigo mesma.

É por isso que mãos e unhas precisam estar sempre bem tratadas, principalmente porque são  áreas suscetíveis aos sinais da idade e às agressões do meio ambiente.

O próprio ato de lavar as mãos, algo rotineiro, leva ao ressecamento e exige  hidratação imediata. Os raios solares, por sua vez, não agridem apenas a face e o corpo, mas também as mãos, que devem ser protegidas várias vezes ao dia com cremes hidratantes à base de ureia, vaselina, lactato de amônio e silicone também com filtro solar com FPS 15 ou superior.

As unhas, cuja função é proteger as pontas dos dedos, são compostas de apenas 14% de água, e por isso merecem atenção redobrada. Se estiverem quebradiças,  manchadas, opacas ou descoladas, as vezes é indício de doenças  como micoses, diabetes e até problemas na tireoide.

Quando o organismo apresenta deficiência de alguma vitamina ou de sais minerais, há reflexos diretos nas unhas, que ficam esbranquiçadas.

Para manter a beleza das unhas, portanto, a primeira recomendação é adotar uma alimentação saudável e equilibrada, rica em nutrientes e mantê-las sempre secas, limpas e cortadas, de preferência no formato quadrado.

Não se deve ainda retirar as cutículas em demasia, pois são uma barreira de proteção contra infecções.

Vamos fazer uma receitinha caseira para fortalecer as unhas?

Ingredientes:

  • 1 vidrinho de base incolor
  • 2 pitadas de bicarbonato de sódio
  • 2 gotas de iodo

Modo de usar:

  • Misturar tudo e passar nas unhas, no lugar da base normal.

Agora vá e arrase ao cumprimentar, deixando um toque de maciez e elegância por onde passar.

Beijos e até a próxima dica para vocês ficarem ainda mais lindas.

E então, gostou? Me diga aqui no comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *