O desinteresse nem sempre é do outro.

  Muitas vezes começamos uma conversa com a típica frase “Oi, tudo bem?”. E a resposta padrão é quase sempre a mesma “Tá, tudo bem.” – mesmo não estando nada bem. Parece que o nosso cérebro responde no automático. Hoje em dia, com as redes sociais, está cada vez mais comum as conversas serem por…